Mudar de vida? Não, obrigado.

Crescer não deveria ser um processo de criação de um novo cenário, e sim um processo pelo qual conseguimos ver as coisas com clareza e firmeza, tal como são. 

Don’t fuck around. Constata só que somos  papagaios muito cultos. 

1

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *